quarta-feira, janeiro 24, 2007

Ministra da Educação rejeita repetição do concurso de professores

A ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues, rejeitou hoje a realização de um novo concurso de professores este ano, uma exigência feita por 15 mil docentes num abaixo-assinado que denuncia irregularidades nas colocações realizadas no ano passado.
"Obviamente, não estamos dispostos [a realizar um novo concurso]", afirmou a ministra Maria de Lurdes Rodrigues, à margem da cerimónia de lançamento do Prémio Nacional dos Professores, que decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian.
A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) entrega hoje à tarde no Ministério da Educação um abaixo-assinado, subscrito por 15 mil docentes, que reivindica a realização de um novo concurso de colocação nas escolas em 2007.
Com as novas regras introduzidas pela tutela o ano passado, os resultados do concurso de professores são válidos por três anos e não por um, como acontecia anteriormente, o que significa que o processo de colocação só deverá realizar-se novamente em 2009.
in LUSA